Doenças crônicas

 
Fotografia de um idoso segurando seu peito esquerdo com feição de dor
 

Doenças crônicas

A pesquisa também identificou as principais doenças que acometem a população. Algumas delas, como a diabetes, podem ter relevante influência na saúde dos pés.

Dentre os respondentes, 45% dos homens e 43% das mulheres apresentaram ao menos uma das seguintes doenças: diabetes, neuropatia, hipertensão, derrame, colesterol alto, outros problemas cardíacos ou câncer.

A hipertensão foi o principal problema apresentado entre os respondentes com alguma doença (59% dos homens e 50% das mulheres), seguido de colesterol alto (40% dos homens e 50% das mulheres) e diabetes.

 
Relação das doenças crônicas com o gênero.
 

Dentre as doenças acima, a que mais pode afetar diretamente a saúde dos pés é a diabetes. O desenvolvimento da neuropatia periférica (condição de insensibilidade nos pés, muitas vezes causada pelo agravamento da diabetes), por exemplo, pode gerar graves lesões nos pés.

De toda a amostra, 11,8% dos homens e 6,3% das mulheres apresentaram diabetes e 4,3% dos homens e 3,4% das mulheres, relataram problemas de neuropatia.

 
Tabela com a relação entre diabetes, neuropatia nos pés e o gênero dos respondentes.
 

Há forte tendência de desenvolvimento de diabetes com a idade, assim como visto no gráfico abaixo:

 
Gráfico com a relação entre a diabetes e a idade dos respondentes.
 

Comportamento similar observa-se com a análise do IMC:

 
Gráfico com a relação entre a diabetes e o IMC dos respondentes.
 

Clique nos links abaixo para saber mais detalhes sobre a pesquisa “Saúde e qualidade de vida: A relação com os pés, tornozelos e joelhos”.

Características da amostra

Saúde e atividade física

Longevidade desejada

Dores nos pés, tornozelos e joelhos

Impacto das dores no cotidiano

Como as dores são tratadas

Características dos pés

Doenças crônicas