Como a pisada errada pode afetar sua caminhada

12 de julho de 2017

A caminhada é o segundo esporte mais praticado no país, e apesar de o número de praticantes representarem apenas 8,4% da população, quase todo mundo caminha ao menos 20 minutos por dia devido às obrigações do dia a dia.

Tanto para os praticantes “formais” da corrida quanto para os caminhantes do dia a dia as dores costumam ser acompanhantes desses momentos.

Falta de alongamento e sedentarismo (no caso das pessoas em geral), normalmente, são as causas das dores, porém a sua pisada pode ser sua principal inimiga.

São três os tipos de pisada: neutra, supinada e pronada. A neutra não traz malefícios aos pés, tornozelos e joelhos, porém a supinação ou a pronação excessiva causam dores na região.

 

Imagem ilustrativa mostrando os tipos de pisada possíveis.

Tipos de pisada.


 

PROBLEMAS CAUSADOS PELA SUPINAÇÃO OU PRONAÇÃO EXCESSIVA

Pisada supinada: Na pisada supinada o pé faz um movimento para fora ao andar, sobrecarregando a lateral do pé. As principais lesões causadas pela supinação excessiva são:

  • Bunionette: É o joanete do quinto metatarso e ocorre devido ao excesso de carga contínua aplicada na lateral do pé.
  •  

    Imagem ilustrativa mostrando o local do bunionette.

    Bunionette.


     

  • Calos: São espessamentos da pele que se formam para proteger as camadas internas do corpo. Formam-se a partir dos pontos de pressão aplicados no pé.
  • Entorses de tornozelo: Por causa da supinação, o tornozelo fica muito mais suscetível a entorses em inversão, quando o pé vira para fora.
  • Tendinites fibulares: Os tendões fibulares são estruturas responsáveis por estabilizar, principalmente da parte de fora, e dar equilíbrio ao tornozelo. A pisada supinada pode sobrecarregar esses tendões e começar a gerar dor.

Pisada pronada: É um movimento natural do corpo, nesse caso o pé cai um pouco para dentro no ato de andar. A hiper pronação pode causar:

  • Desalinhamento do joelho: Devido aos pés pronados a pessoa vira o joelho para dentro, tornando o desalinhamento em valgo mais propicio.
  •  

    Imagem ilustratativa mostrando o não alinhamento dos joelhos em valgo.

    Joelhos em valgo.


     

  • Joanete: A sobrecarga causada pela pronação diminui o espaço entre os dedos e aumenta o atrito com o calçado.
  • Fascite plantar: A hiper pronação faz com que os pés não realizem com maestria o amorteciemnto do impacto e a distribuição da carga, podendo causar não só a fascite plantar, mas também tendinite de Aquiles, canelite e esporão de calcâneo.

COMO CORRIGIR MINHA PISADA

A melhor maneira para o alinhamento da pisada e consequentemente correr e caminhar sem dores é com a utilização das palmilhas da Pés Sem Dor. A palmilha vai aliviar os pontos de pressão e redistribuir a carga corretamente por todo o pé.

Para saber mais sobre a atuação da Palmilha para pisada pronada clique aqui.

Para saber mais sobre a atuação da Palmilha para pisada supinada clique aqui.

 

Palmilha Pés Sem Dor para tornozelo.

Palmilha com correção da pisada (apoio para o arco do pé e suporte lateral).


 

Se quiser saber mais sobre os tipos de pisada, basta assistir o vídeo abaixo: