Fascite e esporão: qual a diferença?

27 de novembro de 2015

Fascite Plantar x Esporão de Calcâneo

A fascite plantar e o esporão de calcâneo são dois problemas distintos, mas que, por muitas vezes, são confundidos entre si. Isso geralmente ocorre porque as regiões de sintomatologias são bastante semelhantes e suas causas podem ser as mesmas. Apesar de ambas as patologias tirarem o sono de muita gente, elas não são exatamente a mesma coisa.

A principal diferença é que a fascite plantar afeta o tecido fibroso, enquanto o esporão é um pequeno crescimento ósseo. Por isso, é essencial um diagnóstico correto, pois, dessa forma, o tratamento será muito mais eficaz, evitando transtornos futuros e aumentando a qualidade de vida dos pacientes.

Essencialmente, a fascite plantar é a inflamação de um tecido fibroso chamado fáscia plantar, que recobre a musculatura dos pés e se estende do calcanhar até a ponta dos dedos do pé. Alguns de seus principais sintomas envolvem dores na sola do pé e calcanhar, que costumam ser mais intensas assim que os primeiros passos do dia são dados ou em situações como subir escadas, após a prática de atividades físicas intensas e após permanecer em pé por longos períodos. Além disso, inchaço e sensação de queimação são comuns.

fascite-plantar

Fascite plantar

Já o esporão de calcâneo é um pequeno crescimento ósseo, em forma de espícula, que se desenvolve no osso calcâneo (osso do calcanhar), no local onde a fáscia se prende. Em relação aos sintomas, o esporão pode causar dor bem localizada no calcanhar, que geralmente vem acompanhada de dor no arco plantar e rigidez na musculatura da panturrilha.

Vale ressaltar que a presença do esporão não significa, necessariamente, que haverá sintomas de dor. Mas, há casos onde o esporão pode causar uma inflamação nos tecidos adjacentes, ocasionando fortes dores.

Esporão no Pé

Esporão calcâneo

Para auxiliar no tratamento de ambos os problemas, a fisioterapia é uma grande aliada, pois ajuda a reduzir os sintomas através de exercícios e técnicas específicas.

Além disso, tanto para os casos de fascite plantar quanto para os de esporão, o uso de palmilhas sob medida é altamente indicado. Essas palmilhas serão capazes de amenizar ou até mesmo de acabarem completamente com desconfortos e dores ocasionados por essas duas patologias.