Dorso do pé inchado

O dorso do pé inchado pode estar relacionado à fratura por estresse, tendinites, aumento do arco medial, diminuição do arco medial, pronação durante passada, deformidades dos dedos, uso de sapatos inadequados, gesto esportivo.
 

Dorso inchado

Dorso inchado

Saiba mais sobre os fatores mais comuns que causam o inchaço no dorso do pé:

  • Fratura por estresse e gesto esportivo: com movimentos repetitivos, sobrecarregamos os ossos do tarso do pé, podendo gerar fissuras ósseas. Este tipo de fratura não causa descontinuidade óssea visto com RX, porém é possivel ver linhas mais acentuadas no decorrer do osso.
  • Inflamação local e tendinites: na região do dorso do pé estão localizados vários músculos como: extensor do hálux e extensor dos dedos (músculos responsáveis por movimentar os dedos para cima) e a inserção do tibial anterior (que realiza a dorsiflexão – movimento da ponta do pé para cima), o movimento repetitivo e o estresse muscular ocasionam a inflamação prejudicando a qualidade dos movimentos, vermelhidão, calor e inchaço local.
  • Aumento do arco: visto em pessoas com pés cavos, onde o dorso do pé é mais proeminente e, muitas vezes, com sapatos inapropriados tem a compressão local.
  • Diminuição do arco e pronação: durante a passada pela ineficiência do arco, gerando desabamento do pé para dentro durante as fases da passada, causando estresse em todas as estruturas do dorso do pé.