Tendinite de calcâneo

A tendinite de calcâneo é uma condição degenerativa do tendão do calcâneo (popularmente conhecido como Tendão de Aquiles) onde ocorrem microrrupturas e degeneração de sua estrutura.

No que diz respeito à incidência desse tipo de tendinite, sabe-se que há uma relação direta com a prática de atividades físicas, de modo que 70% dos indivíduos acometidos por essa patologia praticam esportes.

Os sinais e sintomas mais comuns da tendinite de calcâneo são: rigidez e dor na região da panturrilha, dor no calcanhar e na sola do pé, além de perda de força do tríceps sural (músculo da panturrilha). É importante frisar que nos casos crônicos e sem tratamento, pode ser ocasionada a ruptura do tendão.
 

Inflamação no tendão de Aquiles.

Inflamação no tendão de Aquiles.

PRINCIPAIS CAUSAS DA TENDINITE DE CALCÂNEO

Frequentemente, a tendinite de calcâneo ocorre devido ao excesso de treinos ou sobrecargas, que aumentam a tração do tendão, podendo levar a uma lesão.

Outras possíveis causas desse problema são alterações biomecânicas e o tipo de pisada (supinada ou pronada), que causam desalinhamento dos pés, de modo que as forças exercidas sobre o tendão são distribuídas de forma desigual.

Além disso, outros fatores podem colaborar para o surgimento dessa variedade de tendinite, como falta de flexibilidade, o uso de calçados inadequados e traumas repetitivos.