LiveZilla Live Help

Tendinite de calcâneo como resolver

A tendinite de calcâneo é uma condição degenerativa que afeta o osso do calcâneo, região antes conhecida como tendão de Aquiles.

O tendão de calcâneo é responsável por ligar o tríceps sural (panturrilha) ao calcâneo, sendo fundamental nos saltos e por ficar na ponta dos pés.

Na tendinite de calcâneo o alinhamento das fibras fica alterado, existem microrupturas e degeneração da estrutura, normalmente acometendo uma região de 2 a 6 centímetros acima do osso calcâneo, que é uma zona com vascularização reduzida (chamada de tendinite não-insercional). A patologia também pode acometer a junção do tendão com o osso calcâneo (chamada de tendinite insercional), esse tendão ficará mais espesso e o paciente apresentará dor durante a palpação.
 

Imagem mostrando a área de dor da fascite plantar.

Área de dor da fascite plantar.

Os casos de tendinite de calcâneo normalmente são de difícil resolução e sua recuperação é demorada. Um fato importante é que a pessoa não volte a praticar exercícios de alto impacto até que o tratamento esteja finalizado, para que o problema não volte.

Alguns cuidados visam a prevenção do problema, como diminuir a carga dos treinos e usar calçados adequados. Confira abaixo algumas dicas de como prevenir a tendinite de calcâneo e veja também alguns dos tratamentos mais indicados:

  • Alongar a perna (panturrilha), para melhorar a elasticidade dos músculos panturrilha e do tendão;
  • Quando prescrito pelo médico, uso de anti-inflamatórios orais (no caso de uma tendinite já diagnosticada);
  • Aplicação de compressas de gelo no local da dor;
  • Laser para cicatrização da lesão do tendão;
  • Fazer fisioterapia, que auxiliará na redução dos sintomas e na melhora da mecânica e desalinhamentos;
  • Deixar a perna elevada quando estiver deitado;
  • Massagem vigorosa local, ao redor do tendão para diminuir aderências;
  • Exercícios de equilíbrio;
  • Fazer tratamento com ondas de choque;
  • Elevação do calcanhar para deslocar o centro de massa para frente, diminuindo a sobrecarga sobre a panturrilha e o tendão;
  • Realizar exercício concêntrico e excêntrico (exercício de força, enquanto se faz a volta de um movimento) para a panturrilha;
  • Usar palmilhas Pés Sem Dor.