Palmilhas

25 de março de 2015

Tipos de palmilhas

Há mais de dois mil anos existem utensílios criados para dar conforto e proteção aos pés, mas somente por volta de 1.900 as palmilhas foram criadas para uso ortopédico. Elas eram de metal pesado, tinham um suporte para o arco e uma borda para o calcanhar. Porém, por serem rígidas, destruíam os calçados e machucavam os usuários.

Com o passar do tempo, os materiais, os métodos de avaliação e confecção evoluíram e, atualmente, temos palmilhas ortopédicas que dão conforto, proteção e fazem as correções necessárias para uma pisada correta e para alívios das dores.

As palmilhas Pés Sem Dor são confeccionadas de forma digital, com filamentos de TPU (Poliuretano Termoplástico), elastômero flexível, em impressora 3D. São resistentes, maleáveis, respiráveis e podem ser confeccionadas em diferentes durezas, de acordo com a necessidade do cliente. Estas durezas são obtidas pela porcentagem de filamento aplicado na palmilha.

Conheça abaixo os diversos tipos de palmilhas:

Palmilhas para crianças

Para as crianças, as palmilhas acompanham o crescimento e a formação do sistema musculoesquelético (os músculos e ossos), auxiliando no desenvolvimento do arco plantar e de um alinhamento correto de coluna, joelhos e tornozelos, reduzindo, assim, possíveis problemas ortopédicos, no futuro.

 

Palmilhas para esportes

As palmilhas para esporte possuem algumas alterações especificas para cada modalidade. Os amortecedores são posicionados nas áreas de maior pressão durante a prática do exercício e as correções são feitas personalizadamente para cada pé.

As modalidades nas quais a utilização das palmilhas melhora o desempenho e previne as lesões são: corrida, os esportes de quadra, o futebol, o golfe e o tênis.

Na corrida, os locais de maiores impactos são nas regiões do calcanhar e dos metatarsos. Portanto, nas palmilhas de corrida os amortecedores estão posicionados nessas áreas.

 

palmilha corrida

Palmilha de corrida

No tênis e nos esportes de quadra, as altas pressões são exercidas no primeiro metatarso e no dedão, além do calcanhar.

 

palmilha tenis

Palmilha para tênis

 

palmilha esporte quadra tenis volei handebol basquete

Palmilha de esportes de quadra

 

No futebol, os amortecedores estão sob os dois primeiros metatarsos e no calcanhar.

Para os golfistas, as palmilhas foram desenvolvidas para dar conforto durante a partida e estabilidade durante as tacadas, com a especificidade para a dominância do jogador. Se for destro, será um posicionamento dos amortecedores; se for canhoto, será outro posicionamento.

 

Palmilhas para diabetes

Os diabéticos são um grupo de alto risco para ulceras nos pés e amputações, pela falta de sensibilidade que essa doença traz e pelas altas pressões. Para corrigir e distribuir melhor as pressões e proteger os pés de possíveis lesões, as palmilhas contato total dissipam as hiperpressões, prevenindo o aparecimento de úlceras e possíveis complicações nos pés diabéticos.

 

Palmilhas para dores e patologias

Se houver um diagnóstico pré-existente, como artrose, canelite, deformidades nos dedos (dedos em garra e em martelo), desigualdade de membros, esporão de calcâneo, fascite plantar, hálux rígido, joanete, metatarsalgia, Neuroma de Morton, sesamoidite e tendinite de calcâneo, é confeccionada uma palmilha com a alteração necessária para que a patologia não piore e para aliviar as dores.

No caso das dores, as palmilhas são feitas com foco na causa da dor, como, por exemplo, um erro de pisada, deformidades dos pés, desalinhamentos dos joelhos e tornozelos. Com a correção do problema, as dores certamente aliviarão.

 

Palmilhas para conforto

Quando compramos um calçado na loja, não existe uma avaliação para que o tênis tenha exatamente a conformidade dos seus pés e os acomode perfeitamente. Os calçados não são feitos especificamente para o meu pé ou para o seu.

Já as palmilhas são confeccionadas de acordo com as medidas e a conformidade dos seus pés, por isso acomodam perfeitamente os pés em qualquer tipo de calçados.

 

Avaliação das palmilhas

Para a confecção das palmilhas o profissional mais indicado é o fisioterapeuta especialista, que vai identificar possíveis dores e problemas através de perguntas específicas, exame e palpação dos pés. Os dois testes mais utilizados para a confecção de uma boa palmilha são o baropodômetro, que vai mostrar quais os locais de maiores pressões dos pés, durante o caminhar; e o scanner, que vai gerar uma impressão dos pés, como se fosse uma foto, usada para tirar medidas exatas dos pés e avaliar a alturas dos arcos.

 

As palmilhas são a interface entre o seu pé e o calçado e tem o objetivo principal de proporcionar conforto e proteção ao seu pé. Para conhecer mais sobre as palmilhas da Pés Sem Dor, acesse www.pessemdor.com.br.

 

Quer saber mais sobre palmilhas? Tem alguma dúvida? Escreva para nós!

 




Sorteio encerrado “O salto alto e a mulher brasileira”. Clique aqui e saiba quem são as 6 ganhadoras!