Tênis

Chequeando pelotas

O tênis é um dos esportes mais populares no mundo, com mais de 200 países afiliados na Federação Internacional. No nível profissional, o esporte paga milhões em prêmios anualmente, porém, é praticado em todos os níveis, inclusive no recreacional. É jogado por apenas uma ou duas pessoas, o que causa uma grande demanda física e,  se não houver uma boa preparação, com treinamentos específicos e prevenção de lesão.

Fisicamente, as ações dessa modalidade consistem em muitas mudanças de direção, arranques rápidos, paradas bruscas e golpes com a raquete. São períodos de alta intensidade com intervalos curtos de descanso. Basicamente, o tênis é praticado em diferentes tipos de pisos:

  • Grama, onde as quadras têm uma superfície mais irregular e um amortecimento maior. O jogo é muito rápido e intenso, o que pode demandar mais da parte física e aumentar a dificuldade de controle do corpo e da bola.
  • Piso duro, no qual a maioria dos torneios é realizada. O jogo é rápido e intenso e a aderência do calçado com o piso é maior, aumentando o índice de entorses de tornozelo.
  • Saibro, em que o jogo fica mais lento e, então, o jogador tem mais tempo para se alinhar para o golpe. Os rallys ficam mais longos, assim como o jogo, o que aumenta a demanda física.

Apesar de ser considerado um esporte de arremesso, que utiliza muito os membros superiores durante os jogos, a incidência de lesões entre os atletas do tênis é maior nos membros inferiores, com altos índices de lesão em tornozelo e joelho.

PRINCIPAIS LESÕES DO TÊNIS

No tênis, as lesões dos membros inferiores estão relacionadas com:

  • Traumas;
  • Gesto esportivo do atleta;
  • Condição física e de treinamento;
  • Equipamentos como a raquete ou os calçados;
  • Altas pressões plantares e desalinhamentos de joelho [1] e [2] e tornozelo.

As lesões mais comuns nos joelhos dos tenistas são a tendinite patelar (inflamação do tendão da patela), e a Síndrome da Dor Patelofemoral (dor anterior do joelho), pela grande sobrecarga que as paradas bruscas do tênis impõem sobre essa articulação, além de possíveis desalinhamentos biomecânicos, como joelho em valgo ou em varo (que causam grandes estresses na articulação).

1. Desalinhamento do joelho: joelho varo

1. Desalinhamento do joelho: joelho varo


2. Desalinhamento do joelho: joelho valgo

2. Desalinhamento do joelho: joelho valgo

Já no tornozelo, a lesão mais comum é a entorse, normalmente acontece quando o jogador se aproxima para golpear a bola e o pé fica preso ao piso, levando o pé a virar para fora. Lesões crônicas como as tendinites e as dores na sola também são comuns e provenientes das altas pressões plantares que acontecem durante a partida.

3. Movimento do corpo do tenista durante a jogada

3. Movimento do corpo do tenista durante a jogada

PALMILHA PARA TÊNIS

As palmilhas sob medida Pés Sem Dor para tênis auxiliam na distribuição das pressões plantares que são exercidas durante a partida. Além disso, dão suporte para o arco do pé, impedindo que o pé deslize no calçado e que ocorram movimentos lesivos nos joelhos e nos tornozelos.

A palmilha possui um reforço lateral, que diminui probabilidade de entorses de tornozelo nas paradas bruscas e nas mudanças de direção, e também amortecedores específicos, que são colocados nos pontos de maior pressão no pé durante a partida de tênis, assim reduzindo as dores e chances de lesões.

produtos palmilha esporte tenis

4. Amortecedores no primeiro metatarso e na região lateral do calcanhar