Aumenta o risco de esporão e fascite plantar no verão

 

São Paulo, Janeiro de 2018 – A estação mais quente do ano é um período de contrastes pra saúde de muitas pessoas. Enquanto alguns aproveitam para relaxar, outros recorrem às corridas e à academia. Para alguns, o calor leva ao uso de calçados abertos, que podem causar dor e impedir atividades de lazer como ir à praia.

“No verão, as academias ficam cheias e nas orlas todos querem correr, isso porque as pessoas acham que vão recuperar o tempo perdido. O resultado são clínicas de fisioterapia lotadas e pior: somente após o carnaval. Exercícios nunca antes executados e feitos de forma aguda causam grandes chances de lesão” alerta o diretor de fisioterapia da Pés Sem Dor, Mateus Martinez.

 

Idosos se exercitando

Exagero com atividades e calçados inadequados são os maiores vilões

Calçados inadequados também se tornam vilões nessa época. O preferido é o chinelo, que favorece a ventilação. O problema é que esse modelo não costuma oferecer proteção nem os suportes e amortecimentos que o calcanhar e o arco do pé carecem. Para a prática de exercícios, os tênis devem ser confortáveis e em ocasiões formais, os calçados com salto ou bico fino devem ser evitados.

“Pessoas que sofrem de esporão, fascite ou tendinite podem ter o quadro piorado. Outros indivíduos com fatores de risco como pés chatos, sobrepeso ou pisada pronada podem desenvolvê-las. Caso surjam dores, um especialista deve ser imediatamente procurado” conclui Martinez.

 

Regiões que podem ser afetadas

Regiões afetadas

Além da moderação nas atividades, a melhor dica é a prevenção. O uso de sandálias ortopédicas é uma boa alternativa para os que querem aproveitar o verão e proteger os pés. A sandália lily, por exemplo, conta com a praticidade de qualquer chinelo, mas oferecendo o conforto e os ajustes necessárias a cada indivíduo, já que possui curvaturas e correções sob medida para cada pé.

 

 

Mais informações sobre a empresa e as palmilhas em www.pessemdor.com.br

Fontes e personagens diversos estão à disposição

Para entrevistas, contacte o public relations Lucas de Freitas no
(11) 3373-8198 ou (11) 9484-17954

 

A Pés Sem Dor é a primeira a confeccionar palmilhas ortopédicas sob medida em escâneres e impressoras 3D. Foi criada em 2009 pelo americano Thomas Case, que também é fundador da classificados de emprego Catho. Já atendeu mais de 50 mil pessoas e conta com parceiros na Alemanha, Inglaterra, Estados Unidos e China.
Lucas de Freitas
Public Relations – MTB 0082792/SP
(11) 3373-8198 / (11) 9484-17954
[email protected]
Pés Sem Dor Brasil, Ltda
Alameda Ribeirão Preto, 130, Conjunto 81 – Bela Vista, São Paulo/SP – CEP 01331-000