Calos, bolhas, inchaços e quedas e outras considerações

Calos

41,5% das respondentes reportaram que têm calos nos pés. 58,5% disseram não tê-los. As mulheres que têm calos nos pés indicaram que os têm nos seguintes locais. (Podiam indicar mais de um local).

Tabela indicando o local em que estão localizados os calos nos pés das respondentes.

Bolhas

Tabela relacionando o surgimento de bolhas com o uso de sapatos de salto alto.

61,9% das respondentes indicaram que têm problemas com bolhas nos pés, quando usam sapatos de salto alto. Segue distribuição.

Inchaço

Tabela relacionando o inchaço nos pés com o uso de salto alto.

65,8% das respondentes afirmaram que os seus pés incham, quando usam sapatos de salto alto.

IMC

Tabela fazendo a relação entre o inchaço nos pés, o uso de salto alto e o IMC das respondentes.
O percentual de respondentes que reportaram que os pés incham quando usam sapatos de salto alto, aumenta conforme aumenta o IMC.

Quedas

35,7% das respondentes indicaram que já sofreram quedas usando sapatos de salto alto.

Das 35,7% que já caíram usando sapatos de salto alto, 77,6% indicaram cair poucas vezes (1 a 3 quedas), 18,3% indicaram cair algumas vezes ( 4 a 10 vezes) e 4,1% mais de 10 quedas.

Torções

55,4% das respondentes indicaram que torceram o tornozelo (virar o pé), quando usaram sapatos de salto alto.

Tabela relacionando o entorse de tornozelo com o uso de alto alto com base no IMC das respondentes.
Tabela mostrando o número de vezes que a respondente virou o tornozelo usando sapato de salto alto.
O percentual aumenta, conforme aumenta o IMC.

Unhas Encravadas

20,7% das respondentes indicaram que têm problemas de unhas encravadas devido ao uso de sapatos de salto alto.

Tabela relacionando o problema das unhas encravadas com o uso de salto alto, com base no IMC das respondentes.
O percentual aumenta, conforme aumenta o IMC.

78,9% das mulheres indicaram que descem escadas usando sapatos de salto alto contra 21,1% que disseram não descer escadas de salto alto.

Tempo de uso do sapato de salto alto

Tabela mostrando a quantidade de anos que as respondentes utilizam sapatos de salto alto.

O número de anos, que as respondentes usam sapatos de salto alto, varia dependendo da idade das respondentes. Segue tabela mostrando a distribuição: 64,3% das respondentes usam salto alto há mais de 10 anos.