Joelho torto: valgo e varo

Categorias Patologias

Por Maria Morato | 20 de Maio de 2015 | 0 comentários | 875 visualizações

Entenda mais sobre o Joelho torto: valgo e varo

Se você é fã do seriado “Chaves”, já deve ter notado o formato curioso das pernas do personagem “Kiko”, interpretado por Carlos Villagrán. Sim, as pernas dessa grande figura da televisão são tortas e aumentam ainda mais a graça desse ator. Mas você sabia que esse tipo de  desalinhamento do joelho pode causar sérios riscos ao funcionamento e bem estar das pernas?

joelho torto valgo para dentro virado desalinhado
1. Joelho valgo

O joelho valgo é um tipo de desalinhamento nos membros inferiores que afeta muito mais mulheres do que homens, muito devido ao fato delas possuírem o quadril mais largo e terem menor massa muscular. Nesse desalinhamento, os joelhos são forçados “para dentro” e os pés se posicionam “para fora”, e os indivíduos possuem as pernas com o formato de “tesoura” ou X.

Por causa disso, há uma maior descarga de peso na região lateral do joelho, o que afeta o funcionamento dessa instável articulação, podendo ocasionar o desenvolvimento de algumas patologias, como a Síndrome da Dor Femoropatelar (SDFP), artroses, tendinites, hoffite e condromalácia.

Crianças e adolescentes tendem a apresentar algum grau de desalinhamento em valgo durante a fase de crescimento, mas, com o tempo, os joelhos costumam ficar com o alinhamento normal. Entretanto, em casos onde é perceptível que o alinhamento está afetando a execução de atividades diárias simples, como andar e correr, o acompanhamento com médico especializado pode ser necessário.

joelho torto desalinhado varo virado para fora
2. Joelho varo

Outro desalinhamento muito conhecido é o joelho varo, onde as pernas ficam posicionadas como as de um cowboy, ou alguém montado em um cavalo. Todos os bebês recém-nascidos apresentam as pernas arqueadas, devido ao processo de formação das pernas, e, conforme a idade avança, as pernas voltam ao ângulo neutro.

No desalinhamento em varo, hhá uma maior sobrecarga na parte medial do joelho e estiramento das estruturas laterais, pois essa articulação fica “para fora” e os pés se posicionam “para dentro”. Essa alteração biomecânica pode contribuir para o aparecimento da Síndrome do Atrito da Banda Iliotibial (SABI), artrose e tendinite.

Tratamento para o desalinhamento no joelho

O tratamento para joelho valgo ou varo está associado à correção postural e fortalecimento muscular das estruturas envolvidas. O uso de palmilhas ortopédicas e a realização de fisioterapia podem ajudar consideravelmente no alívio das dores derivadas desses desalinhamentos e ameniza a sobrecarga no joelho.

Por causa da sobrecarga que essas alterações biomecânicas propiciam, é importante eliminar outros fatores que possam aumentar ainda mais a descarga de peso nessa articulação. Ou seja, indivíduos com sobrepeso precisam emagrecer e atletas ou praticantes de atividades físicas intensas devem diminuir o ritmo dos treinos.

Dicas para detectar o joelho torto

Uma maneira de avaliar em casa se existe um desalinhamento dos seus joelhos é  tentar encostar os tornozelos e os joelhos na frente do espelho. Com as pernas esticadas, se somente os tornozelos se encostarem e os joelhos ficarem afastados, seus joelhos são varos; se acontecer o contrário, somente os joelhos se tocarem e os tornozelos ficarem separados, seus joelhos são valgos.

É importante lembrar que o acompanhamento com especialista, como fisioterapeutas e ortopedistas, é fundamental para alguns indivíduos e nunca se deve fazer automedicação em casos de dores agudas, pois o alívio é apenas momentâneo e o problema não é resolvido.

Como a palmilha Pés Sem Dor atua no caso de joelho valgo ou varo

joelho torto valgo varo palmilha pés sem dor
3. Palmilha Pés Sem Dor para desalinhamento do joelho

A palmilha Pés Sem Dor proporciona o realinhamento biomecânico dos pés, tornozelos e joelhos por meio de cunhas corretoras que são elevações nas bordas da palmilha. Com isso, há uma melhor distribuição da sobrecarga nos tornozelos e pés, o que auxilia na eliminação e prevenção da dor. A cunha interna é ideal para corrigir o desalinhamento em valgo, pois ajuda a levar para fora o joelho que está para dentro, enquanto a cunha externa faz com que o joelho que está em arco seja alinhado para dentro.

Quer saber mais sobre joelho valgo e varo? Tem alguma dúvida? Escreva pra gente!

Comentários

  1. Geniffer

    20/05/2015 at 23:04

    Olá, tenho o joelho torto, nesse caso o tipo valgo. Gostaria de saber se tem algum jeito para corrigir, pois tenho 22 anos, e quando tinha 15, fui ao médico para saber o que fazer e me falaram que teriam que analisar e e fosse o caso teriam que fazer uma cirurgia para “quebrar” a perna e tentar “arrumar” o joelho. Isso seria Talete possível???
    Fico no aguado

  2. Adriana

    01/09/2018 at 23:56

    qual que idade pode usar essa palmilha

  3. ALEX MEDEIROS

    04/10/2018 at 10:59

    Tenho joelho varo em apenas uma das pernas e atualmente esta lesionando o meu menisco medial. Estou tento fugir da cirurgia de osteotomia e de menisco. Essas palmilhas tem bom resultado na solução do problema?

  4. Pablo Fachinelli

    12/06/2019 at 16:20

    Boa tarde, sou ortopedista, gostaria de saber se tem algum estudo e quais os modelos de palmilhas para genu varo e valgo decorrentes de gonartrose. se puder enviar em meu email agradeceria.