Necessidade de sentar durante o trabalho

Um importante dado obtido no estudo foi o número de vezes que o trabalhador precisa sentar ao longo do dia por conta das dores nos pés, tornozelos e joelhos.

Foi revelado que em média o trabalhador senta 6 vezes ao dia e que 7,5% deles tem que sentar mais de 16 vezes.
 
Imagem de uma tabela com a relação entre o número de vezes que precisa sentar com o gênero.
Fotografia de um homem com capacete amarelo sentado em frente à caixas e sentindo dores na região da canela
 
É possível notar um aumento no número de vezes que as pessoas buscam sentar com o passar do tempo e como a média aumenta quando analisamos a parte da população que passa 6 horas ou mais em pé.
 
Tabela comparando as vezes que as pessoas procuraram sentar com as horas que passaram em pé ou andando.
Tabela com a porcentagem de vezes que homens e mulheres procuram sentar após ficar ao menos seis horas em pé.
 
Ter que sentar várias vezes durante o dia de trabalho pode significar perda de produtividade para aqueles que tem funções que demandam estar em pé. Isso porque eles estão sentados em vez de trabalhando no posto de trabalho, ou estão cansados e com dor querendo estar sentados.

Clique nos links abaixo para saber mais detalhes sobre a pesquisa “O trabalho e a relação com os pés, tornozelos e joelhos”.

Características dos trabalhadores do estudo

Características do trabalho

Problemas nos pés causados pelo trabalho

Consequências econômicas do tempo em pé e as dores

Característica dos pés